Especial - Emuladores Leves

Especial sobre Emuladores

  

Um emulador é um programa capaz de simular um processador (como o dos videogames) no computador. Hoje em dia, certos emuladores são capazes de rodar jogos melhores, até mais do que a plataforma original, por conta dos recursos disponíveis.

A palavra ROM deriva da expressão inglesa Read Only Memory (memória apenas de leitura) e freqüentemente é usada para apontar outros dispositivos apenas de leitura. O ROM aqui é uma imagem do cartucho ou CD original, criada para ser executada nos emuladores. Popularizaram-se muito com os primeiros consoles por possuírem uma programação extremamente simples.

Para poder utilizá-lo é necessário ter em seu computador o arquivo da firmware do videogame. Como a firmware é o que identifica o videogame, e cada console vem com sua própria firmware, um usuário só poderá ter em seu computador a firmware relativa ao console de sua propriedade. Manter firmwares de consoles alheios em seu computador consiste crime de pirataria com punição prevista na legislação.

ZSNES - Emulador de SuperNintendo

Criado inicialmente pelos programadores ZsKnight e _Derno_ (codinomes), o ZSNES foi desenvolvido em sua maioria em Assembly (linguagem de máquina) com algumas partes em C e, por esse motivo, ele é capaz de emular jogos com mais velocidade que outros emuladores “equivalentes”.

O ZSNES é considerado o mais avançado emulador de Super Nintendo disponível e possui muitas funcionalidades que auxiliam e facilitam a vida do jogador, como capacidade de salvar o jogo no ponto que ele está sendo jogado, suporte para anti-aliasing (filtro para suavizar ou “lapidar” formas) e Smoothing (esfumaçar, opção para que o jogador não visualize os frames quadrados), além da possibilidade de tirar screenshots e/ou gravar filmes do jogo que está sendo emulado.



Gens - Emulador de Mega Drive

Segundo os desenvolvedores, cerca de 95% dos jogos desses consoles podem ser rodados sem problemas (pelo menos problemas perceptíveis) em computadores com Windows95/98/Me/2000/XP.
Um dos grandes atrativos deste emulador são os diferentes modos de vídeo. A exibição dos jogos pode ser em tela cheia ou em janela. Em tela cheia, os menus são escondidos, podendo ser acessados com o botão direito do mouse. O Gens também suporta vários modos diferentes de renderização (nem todos podem ser utilizados dependendo de sua placa devídeo).




Continua Pessoal...

Novo Comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t